• Elis Busanello

CRENÇAS

As CRENÇAS são as suas leis pessoais e elas estão controlando você. Pessoas querem ter alta performance na vida pessoal e profissional. Infelizmente, elas tem que fazer muito esforço para conseguir e muitas vezes não conseguem, em uma ou em ambas as áreas. E elas ficam frustradas com os seus resultados e se sentem fracas, para mudar este jogo. Você conhece alguém que está vivendo assim, se esforçando bastante e tendo resultados medianos ou até ruins? Pode ser que você se esforce bastante, se sente cansado e falta energia para ir atrás dos resultados. Então você pensa: Qual o preço que vou pagar por isto no futuro?

Isto está acontecendo porque a sua forma de pensar e se expressar estão roubando energia. Conhecendo suas CRENÇAS e tomando consciência do que elas desencadeiam em você, terá um roteiro de desenvolvimento para seguir e positivar os seus resultados.

Imagina uma pirâmide dividida em três faixas: Base – Crenças de Identidade – Exemplo: Eu sou tímido. Meio – Crenças de Capacidade – Exemplo: É difícil cozinhar para muitas pessoas. Topo – Crenças de Merecimento – Exemplo: Quando eu passar no concurso então... As crenças são manifestadas nos pensamentos e nas falas. Nos exemplos acima as crenças estão negativadas. Para acertar a sua comunicação e fazê-la fortalecer a sua autoconfiança, faça substituições assim:

Base – Crenças de Identidade Quando falo pela primeira vez com alguém, me sinto tímido. Meio – Crenças de Capacidade Me organizo com antecedência para cozinhar para muitas pessoas. Topo – Crenças de Merecimento O concurso é uma oportunidade e estou estudando para passar. (e estude mesmo!) Facilite o seu desenvolvimento, a conquista da autonomia e da autoconfiança, colocando atenção especial nas CRENÇAS DE CAPACIDADE. Decida colocar a sua vida em ritmo de fazer, aprender a fazer, aperfeiçoar, dedicar-se e superar. Quando você coloca energia na faixa intermediária, você se aprecia mais, melhoram as crenças de identidade e de merecimento, porque VOCÊ FEZ, sua autoestima aumenta e, portanto, se sente merecedor das melhores coisas da vida.



0 visualização

© Elis Busanello 2019. Todos os diretos reservados